domingo, 30 de agosto de 2009

VOCE SABE O QUE É PRIMEIRO MUNDO, SEGUNDO MUNDO E TERCEIRO MUNDO?SANTA IGNORÂNCIA!!!!

O Brasil é o país mais engraçado do mundo.Quem na vida jã não viu alguma figura grotesca falando que aqui é um país de terceiro mundo?Um vendedor fazendo reclame de seu produto ou servico como sendo de `primeiro mundo`?

Lembro que em 1994 , um mes antes do falecimento do saudoso Coronel Mario, estava em um sabado pela manhã defronte ao meu predio comercial com meu pai, quando um enorme PM , camisa da farda empoadinha e descorada estourando os botões em uma enorme pança, botas sem graxa, apitou para um carro que entrou na contra mão em uma ruela que teve recem alterado o seu sentido.Arrastando seu corpanzil na pequena ladeira, o enorme guarda falou: `Isso é Brasil!!!` ...como praguejando ante a infundada realidade em que vivia. Tive ganas de falar para ele que : `VOCE é Brasil!!!Totalmente caricato como um soldado de Banana Republic...mas como vi seu .38 meio enferrujado na cinta, resolvi não arriscar.*(*tem postagem próxima sobre o brasileiro que não consegue enxErgar a realidade em que vive)

O engraçaco que quase ninguem sabe o que quer dizer primeiro mundo e Terceiro Mundo, muito menos que exista um `segundo mundo`, ou possivelmente um `quarto mundo`e quinto mundo.

Como estou de bom humor hoje, vou explicar, com o auxilio do http://www.mundoeducacao.com.br/ , o qual voce deveria visitar regularmente:


O mundo recebeu e recebe diferentes regionalizações, isso para facilitar o estudo do mesmo em diferentes abordagens, evitando generalizações nas informações, isto é, tornando a análise mais específica. Uma das formas de regionalizar o mundo é a partir do critério de nível de desenvolvimento. No período da Guerra Fria, por exemplo, o mundo foi dividido em: Primeiro, Segundo e Terceiro Mundo.




Primeiro Mundo: são considerados desse grupo os países que possuem características comuns, como economias fortalecidas, altos índices de industrialização, elevado nível tecnológico, além de suas populações apresentarem indicadores sociais elevados, tais como boa qualidade de vida, bons rendimentos, baixos níveis de analfabetismo, boa expectativa de vida, entre outros. Os países que compõem esse grupo são: Canadá, Estados Unidos, Europa Ocidental, Japão e Austrália. Atualmente esse grupo é conhecido como “desenvolvido”.

Segundo Mundo: é constituído por um grupo de países ex-socialistas, como a União Soviética, que possuíam economia planificada. Essa designação não é mais usada atualmente. Muitos cientistas classificam como de Segundo Mundo os países detentores de economias emergentes, como China, Rússia, Brasil, Argentina, México e Índia. Esses países são chamados atualmente de “países em desenvolvimento”.

 
Terceiro Mundo: fazem parte desse grupo os países que possuem economia subdesenvolvida ou em desenvolvimento, geralmente nações localizadas na América Latina, África e Ásia. O criador da expressão foi o economista francês Alfred Sauvy, a mesma foi emitida pela primeira vez no ano de 1952. A expressão foi criada a partir da observação que o economista realizou acerca dos países do mundo, ele constatou que existia uma enorme disparidade política, econômica e social entre as nações, deixando muitas delas marginalizadas no cenário mundial. Fazem parte desse grupo: a maioria dos países latinos, e muitos países da África e Ásia.
As denominações apresentadas, bem como as suas características, estão de acordo com a Teoria dos Mundos, esse método de análise foi usado entre os anos de 1945 e 1990. Apesar dessas expressões não serem mais usadas, a configuração do mundo praticamente não mudou, com exceção de alguns países que conseguiram evoluir um pouco.

OBS do Autor bloggueiro: existe tamb~em a designação para Quarto Mundo (paises com independencia tolhida ou absorvida -Tibete Palestina, etc) e mesmo quinto Mundo , com aqueles pedacinhos de paraíso no Pacifico ou nações em clima de guerra ou destruição totais(Iraque, Haiti)  (que sabemos onde fica mas nunca vamos ir)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Please rational coments:

Postar um comentário